Manual de Segurança

A HIGIENE E SEGURANÇA SÃO UM DIREITO DOS TRABALHADORES, MAS TAMBÉM UM DEVER!

 

1. OBJECTIVO E CAMPO DE APLICAÇÃO

Este manual integra um conjunto de regras a cumprir para prevenir riscos associados a cada posto de trabalho e informações referentes a higiene e segurança e saúde no trabalho.
Aplica-se a todos os colaboradores da Fontoli.

2. REGRAS GERAIS DE SEGURANÇA

Devem ser rigorosamente cumpridas as instruções de funcionamento e de utilização dos equipamentos/máquinas.

  • Os trabalhadores devem receber instruções claras e precisas quanto à utilização e funcionamento dos equipamentos e máquinas que vão operar, bem como quanto aos riscos que lhe estejam associados, sempre que surgirem dúvidas devem perguntar ao responsável.
  • As ferramentas devem ser mantidas pelos utilizadores, em bom estado de conservação e inspeccionadas periodicamente a fim de atestar o seu bom estado.
  • Nunca devem ser transportadas utensílios e outros acessórios nos bolsos do vestuário, com excepção dos previstos para o efeito.
  • Quando forem transportadas ferramentas com arestas vivas e/ou cortantes devem ser acondicionadas de forma a proteger as pessoas.
  • Procure manter o posto de trabalho arrumado e limpo, pois assim evita acidentes de trabalho.
  • Utilize as ferramentas e os equipamentos correctos para o trabalho a fazer e utilize-os com segurança.
  • Use equipamento de protecção individual aprovado e apropriado e mantenha-o em boas condições.
  • Respeite a sinalização de segurança.
  • Se detectar anomalias em qualquer equipamento que ponha em causa a segurança e o ambiente, comunique ao seu superior de imediato.
  • Não modifique, nem repare máquinas, que não estejam qualificadas.
  • Não desmonte ou modifique as protecções colectivas das máquinas.
  • Evitar entrar em raio de acção dos equipamentos móveis, procure ficar em local visível pelo operador dos equipamentos.
  • Utilize o equipamento eléctrico todo com precaução.
  • Não consuma bebidas alcoólicas.
  • Não coloque em risco os seus colegas.
  • Os improvisos são inimigos da segurança. Por isso siga as instruções de trabalho/procedimentos segurança dos equipamentos que lhe foram transmitidas, em caso de dúvida não hesite peça esclarecimentos.
  • Utilize correctamente os locais destinados para recolha de resíduos e lixo.

IMAGEM

3. OBRIGAÇÕES GERAIS DOS TRABALHADORES

Cumprir as prescrições legais de Higiene, Segurança e Saúde no trabalho, bem como as instruções que para esse fim lhe foram transmitidas.

  • Zelar pela sua segurança e saúde, bem como das outras pessoas que possam ser afectadas pelos seus actos;
  • Manusear correctamente as máquinas, ferramentas e outros meios postos à sua disposição;
  • Utilizar e conservar os equipamentos de protecção individual e colectiva;
  • Contribuir e cooperar para a melhoria do sistema de segurança, higiene e saúde no trabalho;
  • Comunicar imediatamente as situações por si detectadas de perigo grave e iminente. Não sendo possível estabelecer contacto imediato com quem deveria tomar as necessárias providencias, adoptar as medidas estabelecidas para tal situação;
  • Cumprir proibições de fumar;
  • Não consumir bebidas alcoólicas;
  • Ser assíduo;
  • Bem comportado, tanto moral, como civil;
  • Desempenhar as funções a que estão submetidos com zelo e perfeição;
  • Dar opiniões que produzam efeitos construtivos;
  • Ajudar sempre que necessário todos os outros colaboradores;
  • Ser cuidadoso com os materiais, ferramentas e veículos que utiliza na execução das tarefas;
  • Ser responsável;
  • Manter livres os acessos e passagens;
  • Organizar correctamente os materiais para se evitar todo o risco de acidente durante a circulação de trabalhadores;
  • Manter os postos de trabalho em ordem, os materiais arrumados, as vias de circulação desimpedidas. E desse modo evitar-se-á que os trabalhadores escorreguem ou caíam;
  • As máquinas de trabalho devem ser utilizadas por pessoal autorizado e devidamente equipado;
  • Antes de utilizar qualquer máquina ou ferramenta (incluindo veículos) verificar o seu estado, caso surja alguma avaria deverá ser comunicado ao responsável;
  • Não permanecer no raio de acção das máquinas de elevação para serem evitados acidentes por choques e/ou queda de material;
  • Zelar atentamente pelo estado de conservação das ferramentas eléctricas portáteis, dos seus cabos de alimentação, das fichas entre outros;
  • As ferramentas devem ser correctamente ligadas às caixas de alimentação, previstas para o efeito;
  • As adaptações provisórias das ferramentas, fichas, tomadas, devem ser executadas por pessoal autorizado;
  • Sempre que uma ferramenta eléctrica portátil sofra uma pancada ou queda, deve ser comunicado de imediato ao responsável;
  • Se estiver a chover, as ferramentas eléctricas não devem ser utilizadas ao ar livre;
  • O transporte manual de carga deve ser efectuado mantendo o corpo em posição correcta, para evitar ferimentos nas mãos, nos pés, na cabeça e lesões na coluna vertebral;
  • Não deve ser realizado à altura dos olhos, de forma a evitar a falta de visibilidade, choques e quedas;
  • Durante o transporte de cargas compridas, deve verificar se a zona se encontra livre;
  • Não entrar nem trabalhar em locais escuros;
  • Não trabalhar em locais em altura sem resguardos solidamente fixos e verificar se existem pessoas e bens na projecção que possam sofrer danos, com as quedas de materiais ou ferramentas;
  • Não subir as escadas, sem antes verificar o seu estado de conservação e base de apoio;
  • Não passar em passarelas quando existam dúvidas da sua solidez.

 

 

 

4. CONTACTOS DE EMERGÊNCIA

  • Número de Emergência Nacional – 112
  • Intoxicações > Centro Anti venenos – 808250143
  • Bombeiros Voluntários de Vizela – 253 489 100
  • Centro de Saúde de Vizela – 253 589 040
  • Guarda Nacional Republicana de Vizela 253 481 261